Quinta-feira, 18 de janeiro de 2018
» Busca interna
» Busca no Google
» Órgãos federais
» Governo federal
» Senado
» Câmara
» STF
» TSE
» STJ
» TCU
» Estados
» Alagoas
» Bahia
» Ceará
» Maranhão
» Paraíba
» Pernambuco
» Piauí
» Rio Grande do Norte
» Sergipe
» Políticos
Escolha o Partido
» Notícias via email
» Jornais online
» Últimas Notícias
BANCADA DO NORDESTE - Camilo Santana pede atenção de congressistas do NE “para que nenhum projeto venha tornar ainda mais difícil a situação dos estados”
15/04/2015 - 14:26h - Gil Maranhão e GAJ
(Brasília-DF, 15/04/2015) O governador do Ceará, Camilo Santana (PT) fez uma apelo nesta quarta-feira, 15, durante o Encontro de Governadores da Nordeste, em Brasília-DF, para que os parlamentares nordestinos fiquem atentos e não deixem o Parlamento aprovar nenhuma proposta que venha tornar a situação ainda mais difícil para os estados e municípios da região.

“Temos que ter muita cautela e responsabilidade para que nenhum projeto que venha ser votado no Congresso torne ainda mais difícil a situação difícil para os estados nordestinos”, declarou.

Ele também defendeu o fortalecimento do fórum de gestores estaduais da região e uma aproximação e diálogo dos governadores com a bancada parlamentar nordestina. E pediu aos congressistas a agilização na aprovação de projetos de interesses dos nove estados da região.

O encontro, promovido pela nova coordenação da Bancada do Nordeste no Congresso Nacional – o segundo maior colegiado regional no Parlamento brasileiro (com 151 deputados federais e 27 senadores -, foi realizado no Auditório Nereu Ramos, na Câmara dos Deputados e reuniu os governadores dos nove estados da região, além de deputados federais, senadores, secretários de estado, assessores e profissionais da imprensa.

Propostas no Congresso

“O momento que o Brasil vive nos exige e nos cobra uma aproximação maior e de muito diálogo não só com a sociedade, como também com a bancada que representa os estados do nordeste brasileiro. E este é o objetivo desse encontro de hoje, essa aproximação e para analisarmos esse conjunto de projetos e discussões que estão sendo feitos no Senado e na Câmara”, disse o governador.

Camilo Santana revelou preocupação dos gestores nordestinos com propostas que tramitam no Congresso e temas que possam afetar a situação financeira dos estados e municípios.

“É preciso repensar e rediscutir o pacto federativo, o papel e redistribuição dos impostos da União, a questão da obrigatoriedade do percentual que hoje é exigido para estados e municípios para a saúde, pois a União também tenha essa obrigatoriedade, e uma nova forma de financiamento da saúde pública, que hoje é um grande problema para prefeitos e governadores de estados”, revelou.

Alíquotas do ICMS

A questão da redução das alíquotas do ICMS entre operações interestaduais também foi destacada pelo governador do Ceará no encontro.

“Não gosto nem de falar de ‘guerra fiscal’. O que nós colocamos é que o Nordeste para sobreviver e diminuir as disparidades que historicamente existiram comparadas com outras regiões utilizou deste mecanismo de incentivos fiscais para atrair investimentos e gerar empregos na região”, ressaltou Santana.

Ele deixou claro que a questão não é ser contra a redução da alíquota do ICMS. E disse que a grande preocupação “é a criação desse fundo que está sendo proposto”. Ele propõe que nesse Fundo seja garantido as transferências obrigatórias e vinculadas aos impostos federais, “porque só criar o Fundo e não ter recurso para compensar será um grande prejuízo para os estados do Nordeste”, frisou.

Convivência com a seca

O governador Camilo Santana também discorreu - e entregou uma cópia à coordenação da Bancada do Nordeste sobre o Plano de Convivência com Sega elaborada pelo governo estadual.

“Nós dedicamos os primeiros meses do governo a construir um plano de convivência com a seca. É um plano construído com várias mãos, pois é o quarto ano consecutivo que o Ceará enfrenta o problema da estiagem sem recuperação dos seus mananciais”, expõe o governador.

O plano, segundo o governador, tem obras estruturantes importante do governo, como a transposição do rio São Francisco, o cinturão das águas do Ceará “que vão definitivamente garantir a questão da água no estado”. Ele destacou que “é importante garantir recursos através de um fundo para o problema da seca e nós listamos neste plano o Fundo do Semiárido, o Fundo da Irrigação”. E emendou dizendo que todos os temas ali expostos por ele “são de grande interesse do Nordeste, do povo da nossa região”.

Fortalecimento do Fórum

O governador ainda destacou a importância do encontro e elogiou a iniciativa e defendeu maior aproximação e diálogo do Executivo com os deputados e senadores da região. “O grande objetivo desse encontro é a reestruturação do Fórum de Governadores do Nordeste, e que a gente possa nossa aproximar do governadores e a Bancada Nordestina”.

Ele lembrou que desde o término das eleições, foram realizadas três reunião dos novos governadores nordestinos em Brasília – uma delas, com a presidente Dilma, no mês passado. E informou que, no próximo dia 8 de maio, o grupo vai se reunir no Rio Grande do Norte com o ministro Roberto Mangabeira Unger (da Secretaria de Assuntos Estratégicos-SAE), para discutir uma estratégica para crescimento do Nordeste.

E sugeriu que “a partir desse momento, possamos caminhar a um passo concreto, após essa reunião possamos, através das Representações dos Estados em Brasília, criar um grupo para que a gente possa encaminhar esses principais temas que preocupam os governadores, deputados federais e senadores da nossa região”.

(Por Gil Maranhão, para Agência Política Real, com edição de Genésio Jr.)
Mais Notícias
15/04 | 14:26h - Gil Maranhão e GAJ
BANCADA DO NORDESTE - Camilo Santana pede atenção de congressistas do NE “para que nenhum projeto venha tornar ainda mais difícil a situação dos estados”

(Brasília-DF, 15/04/2015) O governador do Ceará, Camilo Santana (PT) fez uma apelo nesta quarta-feira, 15, durante o Encontro de Governadores da Nordeste, em Brasília-DF, para...
26/03 | 19:42h - Gil Maranhão
BANCADA DO NORDESTE – Danilo Forte afirma que escolha de Júlio é uma vitória da meritocracia e pede atenção ao BNB, DNOCS e Sudene

(Brasília-DF, 26/03/2015) O deputado federal Danilo Forte (PMDB-CE) afirmou nesta quinta-feira, 25, que a definição do nome do deputado Júlio César (PSD-PI) para assumir a coo...
26/03 | 19:42h - Gil Maranhão
BANCADA DO NORDESTE – José Guimarães defende a unidade e diálogo entre novatos e experientes para fortalecer colegiado nordestino

(Brasília-DF, 26/03/2015) O Líder do Governo na Câmara e ex-coordenador da Bancada do Nordeste no Congresso Nacional, deputado José Guimarães (PT-CE) afirmou nesta quinta-feir...
26/03 | 18:36h - Gil Maranhão
BANCADA DO NORDESTE – “É preciso a apropriação coletiva de temas como transposição do S. Francisco e refinarias”, diz Odorico Monteiro

(Brasília-DF, 26/02/2015) O deputado federal Odorico Monteiro (PT-CE) defendeu nesta quinta-feira, 26, que a Bancada do Nordeste deve se apropriar de temas de grande relevânci...
09/04 | 20:24h - Humberto Azevedo
Bancada do Nordeste - Ariosto Holanda pede ao BNDES estudo para promover desenvolvimento integrado

(Brasília-DF, 09/04/2014) O deputado Ariosto Holanda (PROS-CE) pediu nesta quarta-feira, 9, ao presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luci...
13/11 | 18:14h - Humberto Azevedo
Bancada do Nordeste. Dois deputados dizem que a guerra fiscal ajudou o Ceará a industrializar-se

(Brasília-DF, 13/11/2013) Os deputados Gorete Pereira (PR-CE) e Vicente Arruda (PROS-CE) afirmaram nesta quarta-feira, 13, que a guerra fiscal ajudou o Estado do Ceará a indus...
» Áudio
ID:
Senha:

Apóiam essa idéia:
Bancada do Nordeste 2005 - Política Real - Todos os direitos reservados
Contato: redacao@bancadadonordeste.com.br